Resumo da Sessão do dia 28 de fevereiro

por arp publicado 11/03/2019 10h29, última modificação 11/03/2019 10h29

Com muitos pronunciamentos dos vereadores, pedindo inclusive, a colaboração da imprensa, para divulgar os trabalhos legislativos, solicitando à administração municipal de Arapiraca, melhorias para a cidade, a Câmara Municipal de Arapiraca, realizou na noite desta quinta-feira (28), sua última sessão do mês de fevereiro, com a aprovação de indicações e requerimentos solicitando melhoria para Arapiraca. 

Entre as matérias, foi aprovada indicação do vereador Willomaks da Saúde, solicitando ao prefeito Rogério Teófilo, que envie ao Poder Legislativo, um Projeto de Lei instituindo o Programa de Formação de Cuidados Familiar de Idosos e Pessoas Portadoras de Necessidades Especiais, em Arapiraca.

Ele justificou que o objetivo de sua solicitação, é ampliar o campo e especializar as pessoas para que possam melhor atender a esta grande parcela da população.

Ele até lembrou, que quando a administração municipal realiza um processo seletivo, as exigências para os candidatos são maiores, por isso, a necessidade de especializar esses profissionais.

A matéria recebeu o apoio da vereadora Gilvania Barros, ressaltando que essas pessoas precisam desta formação, porque exisge muita dedicação por cuidar de pessoas especiais.

Também foi aprovado e bastante discutido, o requerimento do vereador Léo Saturnino e Fábio Henrique, solicitando ao governador Renan Filho e à Secretaria de Estado da Segurança Pública, a implantação do Programa Ronda nos Bairros em Arapiraca, apontando que o projeto já é implantado em Maceió, com grande sucesso.

Ele lembrou, que quando pensou em pedir para Arapiraca, a implantação do projeto, chegou a receber críticas, porém, antes, procurou os especialistas em segurança pública para colocar o projeto em prática.

Ainda de acordo com Léo Saturnino, com o pedido de implantação em Arapiraca, o projeto será interiorizado e tornará o município arapiraquense, o primeiro a receber os benefícios na área de segurança pública e poderá ser formado por policiais que estejam ou não na reserva e também com alguém que já dirigiu o Tiro de Guerra.

A indicação recebeu o apoio da vereadora Gilvania Barros, que destacou a importância do Ronda nos Bairros, principalmente, porque Arapiraca tem localidades bastante populosas e necessita de um reforço na área de segurança pública.   

O vereador Fábio Henrique, chamou a atenção, alertando que não é somente a questão do combate à violência, mas a prevenção dentro das escolas, com o auxílio de psicólogo e assistentes sociais para trabalhar diretamente com os alunos.

O vereador Willomaks da Saúde, foi outro a parabenizar o requerimento do dos vereadores Léo Saturnino e Fábio Henrique.

Ao concluir a sua justificativa, Léo Saturnino também falou que de sua autoria e do vereador Fábio Hennrique, foi aprovado requerimento ao prefeito Rogério Teófilo, pedindo a implantação da Guarda Muninicipal para Arapiraca, a exemplo de outros municípios alagoanos, como Teotônio Vilela, Girau do Ponciano entre outros.

Outra matéria bastante discutida foi de autoria do vereador Melquiseedec de Oliveira, solicitando ao prefeito Rogério Teófilo e à Secretaria Municipal de Assistência Social e Políticas para a Mulher e as instituições bancárias, Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil, prover o recasdastramento nos Conjuntos Habitacionais do município, a fim de que sejamm identificadas possíveis irregularidades.

Nas discursões, os vereadores disseram que existem denúncias de que pessoas que são contempladas com as casas nos conjuntos habitacionais vendem os imóveis por três ou quatro mil reais e depois voltam a morar em casas alugadas.

Eles também chamaram a atenção para as péssimas condições que foram feitas esses conjuntos habitacionais, onde não oferecem as mínimas condições, inclusive, alguns tem casas que jogam as fezes em plenas ruas e escorrem a céu aberto.

O autor, Melquisedec de Oliveira, falou que além dos problemas estruturais nas construções, outro sério problema é com relação a muitas casas fechadas , onde pessoas reclamam que não são contempladas, enquantos outras, são e não fazem o uso do imóvel.

Melquisedec de Oliveira, defende o recadastramento para evitar que pessoas sejam contempladas e depois vendem ou aluguem esses imóveis.

Durante a discussão do requerimento, os vereadores também sugeriram que as empresas tenham as contas bloqueadas e sejam proibidas de realizem futuras obras no município arapiraquense.

O vereador Léo Saturnino, disse que já esteve em Brasília, com o vereador Fábio Henrique, quando na oportunidade estiveram com assessores do Ministério das Cidades, quando trataram desta realidade e informou que está apenas aguardando a conclusão de um levantamento feito pelo município, para a realização de uma audiência pública com o Ministério Público Federal, Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil, para discutir o assunto, em data ainda a ser definida.

A vereadora Aurélia Fernandes, solicitou ao prefeito Rogério Teófilo, junto à secretaria municipal de Saúde, implantar o atendimento Odontológico na Unidade Básica de Saúde, da comunidade do Laranjal.

De acordo com a vereadora, lá existem cerca de 700 famílias e necessitam urgente desses serviços para atender a uma comunidade que não tem como se deslocar para outras regiões para receber o atendimento odontológico.

O vereador Fábio Henrique, usou o espaço reservado às explicações pessoais, para parabenizar a secretária Melina Freitas, por ter retornado à secretaria de e Cultura, desejando que ela realize uma boa gestão à frente do órgão.

 

Da Assessoria de Comunicação Social da Câmara Municipal de Arapiraca: Cláudio Roberto.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.